fbpixel

Alopecia Frontal Fibrosante: o que é?

A Alopecia Frontal Fibrosante é uma doença capilar que afeta inúmeras pessoas em todo o mundo, provocando a morte dos folículos capilares e consequente perda de densidade capilar. Neste artigo, explicamos-lhe tudo envolta desta patologia.

Alopecia Frontal Fibrosante: Causas?

Este tipo de queda de cabelo caracteriza-se pela forma lenta, progressiva e cicatricial como acontece, causando inflamação nos folículos capilares. Acredita-se que fatores de cariz genético ou ambiental podem contribuir para o seu desenvolvimento. Por norma, a Alopecia Frontal Fibrosante é mais verificada no sexo feminino do que no masculino, especialmente em mulheres com idade acima dos 50 anos.

Quais os principais sintomas deste problema capilar?

Quem sofre desta doença capilar, tende a perder densidade na zona frontotemporal, sendo que o organismo começa a atacar e a inflamar os folículos levando à autodestruição permanente dos mesmos.

Além desse sintoma, também é notada uma alteração na cor da pele da zona afetada, visto que a região onde ocorre esta perda de cabelo tende a ficar pálida e brilhante.

Existem ainda casos de pessoas que acabam por perder pelos nas sobrancelhas, sendo que este acontecimento começa a ocorrer anos antes do início da queda do cabelo no couro cabeludo.

Em situações mais graves, algumas pessoas podem mesmo sentir ardor na zona afetada e coceira.

Existe cura para a Alopecia Frontal Fibrosante?

Atualmente não é conhecida uma cura definitiva para travar esta doença, porém existem alguns tratamentos que podem retardar e suavizar os seus efeitos.

É aconselhável que recorra a um médico dermatologista ou a um especialista em medicina estética capilar, para perceber melhor em que consiste esta doença, qual o seu grau de impacto no seu caso e qual o tratamento mais adequado ao combate do seu avanço.

A principal diferença entre este tipo de alopecia e os restantes, é que não existe uma cura permanente para reparar a perda capilar causada até então. Os efeitos deste tipo de alopecia são irreversíveis, pelo que é apenas possível travar o seu avanço mediante determinados tratamentos específicos e não reparar falhas já existentes.

Se sofre deste tipo de alopecia e quer entender qual o tratamento mais adequado ao seu caso, agende uma consulta de avaliação capilar gratuita numa clínica Attica, em Lisboa ou no Porto.