linha Verde

800 20 92 46

linha verde

Compreenda melhor a queda de cabelo

Queda natural do cabelo

Porque é que o cabelo cai?

Como sabe a queda cíclica do cabelo é normal. Todos os dias, todas as pessoas perdem em média 100 fios de cabelo.

Para podermos compreender a queda, devemos primeiro conhecer o ciclo de vida e a constituição do cabelo. O cabelo é constituído por duas partes importantes, o fio do cabelo como sendo a parte visível do mesmo e o folículo (raiz) que se encontra dentro da pele. Cada folículo pode ter um ou mais fios de cabelo.

O cabelo que nasce no folículo capilar, cresce durante a sua maior fase de vida (fase anágena), passa por uma outra fase curta de estagnação de crescimento (fase catagénea), entrando posteriormente na última fase designada como fase de repouso e queda (fase telogénea), para dar lugar a um novo fio de cabelo. É importante percebermos que cada folículo capilar tem vida própria, ou seja, cada ciclo de cabelo é individual e não sincronizado.

Quando somos jovens o nosso couro cabeludo é preenchido por mais de 100 000 cabelos. Cada cabelo, desde que começa a crescer até cair, passa por 3 fases. Quando este ciclo termina, recomeça um novo e o nosso corpo regenera um novo cabelo no mesmo lugar. A duração deste ciclo é variável de pessoa para pessoa.

Ciclo de vida do cabelo

Anágena

A maior parte do nosso cabelo encontra-se nesta fase (cerca de 85%). Esta é a primeira fase, portanto, é quando nascem e crescem os cabelos, em média, cerca de 1 centímetro por mês. Este é um processo que pode durar entre 2 e 5 anos. Com o passar dos anos, esta fase fica cada vez mais curta, o que resulta num cabelo mais fino e ralo.

Catagéna

Terminada a fase de nascimento e crescimento do cabelo, os fios param de crescer. Apesar de permanecer ligado ao folículo capilar, o cabelo sobe em direção à epiderme. Este é um período de transição que dura, aproximadamente, entre 2 a 3 semanas. Cerca de 3% do nosso cabelo encontra-se nesta fase.

Telogénea

Esta é também conhecida como a fase de repouso do cabelo. Dura entre 6 e 7 meses. O folículo capilar encolhe e o cabelo desprende-se. O mesmo folículo começa a produzir um novo cabelo e o que existia anteriormente acaba por cair. Este ciclo repete-se até à exaustão do folículo capilar (cerca de 25 vezes). Esta fase afeta cerca de 12% dos cabelos.

Quando me devo preocupar com a queda de cabelo?

Os primeiros sinais de preocupação a ter em conta são:

  • quando se aperceber de uma queda de cabelo excessiva (superior a 100 cabelos dia);
  • quando notar que o seu cabelo está a ficar mais fino (mais fraco);
  • quando notar que está a ficar menos denso.

Razões da queda de cabelo excessiva

Existem alguns fatores que podem encurtar o ciclo da vida dos seus cabelos, e por consequência aumentar o número de cabelos que caem diariamente e levar mais rapidamente à exaustão do folículo capilar. As causas mais comuns são:

  • Fatores hereditários;
  • Doenças imunitárias;
  • Desequilíbrio hormonal;
  • Stress/distúrbio psicológico;
  • Má nutrição;
  • Infeção bacteriana.

Existem dois tipos de queda de cabelo, clinicamente designada por Alopecia: temporária/ocasional e definitiva.

A queda de cabelo ocasional dura pouco tempo, ou tanto tempo quanto o factor que a causa se mantiver sendo os mais comuns o stress, a má nutrição, infeções fúngicas e pequenos desequilíbrios hormonais. Já a queda definitiva e de difícil reversão tem origem em fatores mais complexos e associada a doença, tais como herança androgenética, desequilíbrio do sistema hormonal e imunitário.

Quais são os tipos de alopécia mais comuns?

  • Alopécia Androgenética;
  • Alopécia Difusa;
  • Alopécia Areata;
  • Alopécia Fibrosante frontal;
  • Alopécia de Tração.

Quais os tratamentos e soluções possíveis para a excessiva queda de cabelo?

Se notar ou desconfiar que está a ter uma queda de cabelo proeminente ou mesmo problemas de outra natureza, tais como comichão, algumas peladas, diminuição considerável de fios de cabelo, nódulos, cicatrizes espontâneas, borbulhas, descamação, caspa excessiva, entre outros, deverá marcar de imediato uma consulta capilar.

Na Attica Clinic, encontrará uma equipa especializada na área capilar que lhe realizará uma avaliação para identificar a sua situação concreta e em caso de necessidade indicar a melhor solução possível de tratamento.

Relativamente a Alopecia Androgenética (problema mais comum), a Attica Clinic dispõe das melhores soluções de tratamento, de carater preventivo ou definitivo.

Dê o primeiro passo e agende a sua Consulta de Avaliação, gratuita e sem compromisso

Termos e Política de Privacidade

Retarde os efeitos da Alopécia Androgenética

Quando sofremos da doença de alopécia androgenética ou de alopécia de tração o ciclo de vida dos nossos cabelos diminui muito mais rapidamente e começamos a notar que estamos a ficar com um cabelo mais fino e ralo com o passar dos anos.
Na Attica Clinic oferecemos aos nossos pacientes tratamentos personalizados, tais como mesoterapia capilar, PRP (Plasma Rico em Plaquetas) que ajudam a fortalecer o cabelo e prolongar o ciclo de vida do mesmo.

A solução definitiva!

Enquanto que as soluções preventivas são adequadas para ajudar a reverter/protelar o enfraquecimento do cabelo, o transplante capilar surge como a única solução natural para recuperar as zonas calvas provocadas pela queda definitiva do cabelo.

Na Attica Clinic, encontrará o transplante capilar que garante a melhor recuperação e resultados da atualidade. Para saber mais, visite a nossa página sobre o transplante capilar.